Arquivo da tag: amor

Amor orgânico

Padrão

20130706-132956.jpg

Que bom seria se o amor fosse orgânico.Cultivado em terra natural, limpa, preparada, revolvida e adubada com verdade, alegria, sem medos, recebendo espontaneamente o Sol, a chuva, as estrelas, as luas, o frio e o calor. Sementes de qualidade espalhadas nos jardins dos sentimentos, trazendo no seu DNA as essências mais nobres, sem resíduos venenosos, para florescerem.
E, ao se abrirem em frutos, flores perfumadas, suculentos, para doação e entrega, preenchidos de autoestima, amor próprio, confiança, coração cheio de amabilidade,inspiração, doçura e gentileza.
O amor orgânico só floresce em terra sem agrotóxico das paixões e emoções exageradas, doentias, que impedem o desabrochar e envenenam o próprio ser. Leia o resto deste post

Anúncios

O amor compromissado

Padrão

20130316-111014.jpg

O amor compromissado é o que faz a vida vibrar.
Ter a coragem de assumir os sentimentos, vivê-los, pois arcar com toda essa energia que muda e renova é para os que acreditam no amar.
Além disso, tudo o que acontece é seguido da permissão do desejo, da vontade, do vibrar, ou seja, o sentir e ir fundo no mar das emoções.
Igualmente, da mesma forma que nos permitimos viver a tudo isso, somos também responsáveis pela razão e a emoção equilibradas. Leia o resto deste post

Quem bem ama, bem educa: não bate, não castiga!

Padrão

20121124-152053.jpg

“A forma como fomos tratados quando crianças é a mesma como mais tarde tratamos toda a nossa vida.” Alice Miller

Anos trás, eu me questionava se seria possível curar a extensão da solidão, do abandono e dos sofrimentos causados por uma “pedagogia negra” aos quais fomos expostos quando crianças. Nesse meio tempo, sei que isso é possível, embora complexo e exigente de uma arte continuada de cuidado de si.
E não me refiro a crianças que cresceram de fato abandonadas, e que se tornaram adultas sob a sombra do desamor. Falo da grande quantidade de adultos que me procuram, que possuem uma “imagem reprimida” acerca da própria criança que foram e, por isso, sentem-se desorientadas para educar sua filha, ou seu filho, à medida que seus referenciais sobre os sentimentos de sua própria infância foram nutridos (por seus próprios pais) pela necessidade de controle, manipulação, castigos corporais e pressão por resultados… Leia o resto deste post

Relacionar-se e servir o Amor

Padrão

20121009-143610.jpg

Eu estava magoada com meu amigo:
Eu falei da minha mágoa, minha mágoa cessou.
Eu estava magoada com meu amigo:
Eu nada disse, minha mágoa cresceu e nos dominou.

O relacionamento consiste na união de duas pessoas e gravita em torno do mistério que é o Amor.
Este é um lado da existência, mas o outro lado requer a afirmação de uma personalidade individual, e, por isso, desenvolver esse aspecto deve corresponder à acentuação e ao reconhecimento das diferenças individuais – assim, nas condições do dia-a-dia, “José e Maria” logo se tornam reais um para o outro como seres humanos imperfeitos e atuais.
Assim precisaríamos deixar bem claro: a necessidade do desenvolvimento individual é o que valida o relacionamento. Leia o resto deste post

Abelardo e Heloísa – um amor Bleeding Heart

Padrão

20120906-155032.jpg

Qualquer pessoa se comove com a história de Abelardo e Heloísa, consumidos por um amor celebrado por diversos poetas e romancistas.
Eles viveram no século XII e a história se desenrola em torno de 1117, quando Pedro Abelardo, um respeitado filósofo/professor, convence o tio de Heloísa a se tornar o tutor dela. Abelardo tinha 37 anos e Heloísa 17. Ele havia se encantado pela beleza da moça e sido cativado por sua inteligência ímpar. Leia o resto deste post

Gratidão e amor

Padrão

20120807-165253.jpg

Qual a energia mais necessária para a manutenção da vida no Planeta? O amor e a gratidão.
Assim a energia do amor e da gratidão que carregamos conosco tem o poder de sustentar nossa harmonia e também levar felicidade para as pessoas à nossa volta.
Masuru Emoto explica que o “amor é a energia que damos aos outros e a gratidão é o que sentimos quando recebemos amor de outras pessoas. Em outras palavras, a mais grandiosa forma de energia é a que resulta da harmonia entre a energia de dar e a energia de receber”. Leia o resto deste post

Gente preciosa

Padrão

20120620-141024.jpg

Gosto de gente preciosa, essas que chegam com flores nas mãos.
Que falam macio e quando sorriem derramam favos de mel.
Gosto de olhos que brilham, que jogam verdade no olhar.
Que se abrem como flores e se deixam tocar.
Gosto dos toques gentis que cheiram jasmim.
Dos dedos que tocam a alma sem arranhar.
Gente que guardo no porta-joias do meu coração.
Que dormem comigo e me ajudam a acordar.
Gosto de abraços intensos, bem suculentos de amor,
que bailam felizes aos ventos sem medo de se quebrar.
Gosto de gente entregue ao sentir que não tem medo de amar.
Gosto de gente assim,
gosto sim.

Tereza Ananda Hayaam